* Hello, my friends! welcome to letra e fel! If you like this space, please share it with your friends.
* Dzień dobry, drogi czytelniku, witaj w blogu Letra e Fel! Dziękujemy za wizytę. Jeśli nasz blog ci sie spodobał, poleć go swoim znajomym.
*!Hola! , amigo lector. Sea bienvenido y si le gustó mi blog, recoméndelo a sus amigos!
*Cher lecteur, soyez le bienvenu! Veuillez conseiller notre blog à vos amis si vous l'avez aimé. Merci beaucoup!

01/09/2008

gênesis compartilhada

Querido
Vamos conjugar nossos verbos
Formar palavras-imagens
Flexibilizar rígidas frases
Subverter o alfabeto
Enunciar as boas novas
Gozar das texturas plurais
dos domínios da sintaxe
Celebrando os milagres da língua
que se realiza em múltiplas e
paradisiacas miragens.

11 comentários:

Jo disse...

Olá Renata, agradeço a visita.Presença boa.

Compartilhando a concreção da palavra e celebrando o Letra e Fel, espaço muito bom!

(^.^)/*

Leila Saads disse...

Gostei demais do seu blog! Muito de interessante nesse cantinho capixaba, ver que você usa a arte para ajudar pessoas, muito legal seu trabalho!
Lindos poemas e lindas as obras de Nise Nascimento que você mostrou mais abaixo!

Beijos!

f@ disse...

"...paradisiacas miragens...."
aqui nas tuas palavras...
parabéns pelo excelente espaço...
Bj das nuvens

renata disse...

Olá queridos, que alegria receber visitas tão ilustres! serão sempre bem vindos!!!
Abraços fraternos
renata

Tiago Soarez disse...

Renata,

Vim te agradecer a visita no Bossa Nova Café!

Chegando aqui, percebi que seu catinho é ótimo. Você escreve coisas mto boas.

Virei mais vezes para me agraciar do que você escreve!

Beijos

Fernando Rozano disse...

e a palavra se transforma em nós e para nós...excelente, renata. meu abraço e obrigado pela visita.

renata disse...

Olá amigos, alegria receber a visita de vocês! Serão sempre bem vindos nesse cantinho...
beijos
renata

O Profeta disse...

Fecham-se as janelas de poente
Acenderam-se os luzeiros no céu
A cidade desperta para o arraial
Uma noiva procura o perdido véu

Os acordes da Banda no Coreto
Uma tuba marca o compasso
O clarinete dança na calmaria
O Maestro solta gestos no espaço



Boa semana



Mágico beijo

Crisfonseca disse...

Belíssima escrita e contexto também. Parabéns.
Beijos,
Cris

Tata disse...

Oiii, lindo aqui!
Gostei do teu escrito.

Beijocas!!

izaeossuspeitosdesempre disse...

minha querida... demorei pra me ligar em como responder... q coisa boa, esse comentário seu. Embora nem de longe fosse pretensão minha ter uma "escrita" ... são mais desabafos... neurazinhas existenciais... destiladas antes que me sufoquem inteira... ou me matem de rir... o q acontecer primeiro.

Enfim, estou looooooonge de me ter algo próximo do seu trabalho neste blog... mas adorei sua linda visita pra me agradecer a minha. : )

Vou te visitar sempre mesmo. To indo agora ver o texto q me recomedou da Hilda.

abração