* Hello, my friends! welcome to letra e fel! If you like this space, please share it with your friends.
* Dzień dobry, drogi czytelniku, witaj w blogu Letra e Fel! Dziękujemy za wizytę. Jeśli nasz blog ci sie spodobał, poleć go swoim znajomym.
*!Hola! , amigo lector. Sea bienvenido y si le gustó mi blog, recoméndelo a sus amigos!
*Cher lecteur, soyez le bienvenu! Veuillez conseiller notre blog à vos amis si vous l'avez aimé. Merci beaucoup!

19/12/2011

Literatura e ressocialização: 7º Concurso literário da SEJUS/ 2011

Olá amigos, foi uma alegria ter participado da comissão julgadora do 7º Concurso literário do Sistema prisional do ES, realizado pela SEJUS, representando, juntamente com a amiga karina Fleury, a AFESL. Participaram deste concurso os 2.483 alunos matriculados no Programa “Portas Abertas Para a Educação”, implantado em 22 unidades prisionais do Estado. Neste ano, o tema das redações foi “Em que mundo você quer viver?”. Até o final do ano, a meta da Sejus é alcançar o número de 3.000 internos em sala de aula. Foram avaliados cerca de 1200 textos e, de acordo com a diretora do Núcleo Educacional, Regiane Kieper do Nascimento, "O projeto do Concurso Literário não visa apenas a confecção de textos, mas busca discutir com o aluno, antes da produção das redações, a relação do tema com sua vida, qual a sua importância para a construção da cidadania e para a sociedade”. A professora Ester Abreu Vieira de Oliveira, Presidente da AFESL, discursou destacando o valor da escrita no processo de autoconhecimento e de superação de desafios, ela disse que: "os pensamentos afluem e voam livremente como papéis levados pelo vento, chegam às palavras e nascem os sentimentos concretizando no papel os sonhos. Tudo ele recebe: paixões recolhidas e segredos guardados a sete chaves, incertezas e amores incompreendidos, mas no fim uma linda mensagem". Acredito que a literatura é uma ferramenta importante no trabalho de ressocialização dos detentos, observei em um grande número dos mesmos que quem os escreveu  fez uma imersão dentro de si mesmos e refletiu atitudes, escolhas e desejos. Sabemos que não existe uma fórmula mágica capaz de solucionar os problemas do sistema prisional e da violência, mas sabemos que a ARTE, mais especificamente, a LITERATURA, tem o poder de mudar muitas vidas!
Abraços a todos
Renata

Nenhum comentário: