* Hello, my friends! welcome to letra e fel! If you like this space, please share it with your friends.
* Dzień dobry, drogi czytelniku, witaj w blogu Letra e Fel! Dziękujemy za wizytę. Jeśli nasz blog ci sie spodobał, poleć go swoim znajomym.
*!Hola! , amigo lector. Sea bienvenido y si le gustó mi blog, recoméndelo a sus amigos!
*Cher lecteur, soyez le bienvenu! Veuillez conseiller notre blog à vos amis si vous l'avez aimé. Merci beaucoup!

05/01/2014

Lump, o dachshund de Pablo Picasso

Las Meninas
Olá amigos internautas,
Em novembro de 2013 tive a oportunidade de visitar, em Barcelona, o Museu Pablo Picasso. O Museu possui cerca de 4.249 obras do artista. Desde menino Picasso revelou talento para a pintura e sempre trabalhou sob o signo da experimentação. O Museu guarda exemplares representativos das muitas fases de produção do artista, entre elas a série Las Meninas, releitura da obra homônima de á, que está no Museu do Prado, em Madri. Bem, os ensaios que culminaram nesta obra mostram que Picasso utilizou como modelo o seu cãozinho da raça dachshund chamado Lump. Das quarenta e quatro estudos que Picasso fez da obra Las Meninas, Lump aparece em quinze.Picasso falou sobre Lump, "ele não é um cachorro, ele não é um homem pequeno, ele é outra pessoa. Eu adorei ver as fotos do artista com Lump, e aproveitei para matar as saudades de minha dachshund, a Evita Peron. Em 1957 o fotógrafo David Douglas Duncan foi visitar o amigo Pablo Picasso, e levou o seu dachshund de estimação . 

O estilo de vida de Duncan tornava difícil a vida deste em Roma. Quando chegaram a Villa La Californie, a propriedade de Picasso, Lump considerou que tinha encontrado o paraíso na terra e que iria mudar-se para lá. Em 1963 o fotógrafo David Douglas Duncan foi visitar Picasso e descobriu que Lump estava com sérios problemas na coluna, desenganado pelo veterinário que o cuidava, então o fotógrafo  levou  o cãozinho para fazer um novo tratamento, e este viveu mais dez anos. Picasso morreu apenas uma semana após a morte de Lump, em 1973. 
Outros artistas como  Andy Warhol, René Magritte e Frida Khalo vivam cercados por cachorros. 







Nenhum comentário: